Aconselhamento Parental
Orientar mudanças conjuntas

A adolescência dos filhos traz desafios para toda a família. Cada um dos elementos deste núcleo está em contacto com mudanças rápidas, que podem conduzir à sensação de falta de reconhecimento do adolescente ou dos papéis parentais assumidos até aqui.

Muitos pais sentem-se perdidos, sem saber como interpretar verbalizações, experiências e comportamentos dos seus filhos e vivem esta fase com dúvidas e sofrimento - como continuar a orientar quem se quer autonomizar? Por outro lado, ver os filhos a mudar pode ser vivido como uma perda (do filho idealizado ou mais próximo ou dependente), até que a autonomização crescente do adolescente permita uma proximidade afectiva com os filhos, num diferente formato.

 

O objectivo desta consulta é de apoiar os pais na promoção de estratégias e práticas que estimulem o desenvolvimento natural e esperado nesta fase da vida dos filhos, ressignificando o seu papel de orientação e suporte, para que as interações e a relação entre todos os elementos possam ser sentidas como mutuamente satisfatórias e apoiantes, mesmo na negociação de novos limites e regras de funcionamento familiar.